como vai você?


Estou com um cansaço metal do inferno!
Uma das poucas ideias que eu consigo conceber é: "nas minhas férias eu preciso participar de um retiro espiritual, para que eu não precise conversar com ninguém. Todos vão saber que eu estou em segurança, mas que não posso me comunicar ... então tudo vai ser facilmente entendido e vai ficar tudo certo."
Realmente poderia ser assim. Nada de faculdade, emprego; nada de eu ter que fingir ao dizer que esta tudo bem.
Já faz um bom tempo que eu tenho percebido que sempre quando surge aquela bendita e inevitável pergunta de - como vai você? -  a resposta pode ser ouvida em coro - eu vou bem e você? - . As vezes penso que eu poderia ser um pouco mais sincera e honesta comigo mesma e dizer - rapaiz; as coisas estão uma bosta de dar inveja! - . Mas isto me daria um trabalho danado porque o receptor da minha menssagem me questionaria o motivo daquela merda toda, o que me deixaria confusa e angustiada, já que eu sei exatamente o que estou sentindo, mas não conseguiria e teria preguiça de esboçar qualquer tentativa de explicação.
Então decidi manter a minha resposta e ainda acrescentar - está tudo BEM Mesmo, e você? - . E se por acaso você vier a me responder que - está tudo ÓTIMO mesmo! - Para dormir esta noite eu vou precisar de uma massagem e de um bom licor.

Comentários